05 março 2017

A ponta do iceberg...


 O início de um projecto é sempre um misto de ansiedade e alegria. Ansiedade por se ter nas mãos algo novo, algo que vai nascer do nosso trabalho, da nossa dedicação.
Alegria porque de cada vez que nasce alguma coisa, mesmo que seja um simples projecto de ponto cruz é sempre motivo de alegria, de entusiasmo e motivação para nos superarmos.
Hoje partilho convosco a forma como eu inicio cada projecto de ponto cruz.
Muitos, certamente, dirão não ser a forma mais correcta de o fazer, mas depois de experimentar vários métodos, este é aquele que melhor funciona comigo. Aquele que diminuiu muito os meus erros e desmanches iniciais.
 
Eu faço assim...
...a primeira tarefa a fazer é encontrar o meio do tecido (aqui representado pelas linhas azuis).
 
 

 
Depois faço, no meio do trabalho, o suficiente para garantir que não me engano nas contagens. 
E então é hora de iniciar a contagem que me levará da linha que marca o centro ao canto superior esquerdo.
 
 

 Depois é a partir daqui, deste canto superior esquerdo, que desenvolvo todo o trabalho.
Primeiro para baixo e depois fazendo-o igualmente no sentido horizontal.
Este é o trabalho que tenho actualmente em mãos.
Está cerca de 50% feito e iniciei-o precisamente na cabeça do burro, onde está o centro do trabalho. Depois foi fazer as cruzes que fazem os limites da cabana até à ponta desta (que se vê na segunda imagem).
Depois foi começar a preencher a cabana e seguir com o resto.

 
Agora resta a dúvida:
alguém sabe o que irá sair daqui?
:-)

2 comentários:

  1. Fiz muitos trabalhos em ponto cruz, e engraçado eu começava sempre por uma ponta, normalmente pela ponta esquerda em cima. Tenho um electrico começado á anos, nem sei se chegarei a acabar a obra.
    Boa continuação de pontinhos...
    Pinta

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É curioso uma vez comecei assim um trabalho e quando deu conta ele estava literalmente a descer :-D :-D
      Quanto a trabalhos começados e não acabados neste momento tenho apenas um (para além deste) que eu chamo de trabalho das férias, pois só toco nele nas férias grandes. Logo o fim está bem longe... :-D :-D

      Eliminar