16 abril 2015

Do enxoval...

Apesar de já contar com uns anitos de vida (33 mais precisamente!), a verdade é que ainda não tenho um enxoval, propriamente dito.
Há duas arcas lá em casa onde estão uns conjuntos de panos de cozinha feitos pela mãe, onde estão umas rendas de WC por aplicar que eu fiz, uma toalha em ponto cruz que eu fiz, uns bicos de toalha em renda para pregar que eu fiz e umas quantas recordações da minha avó e da minha mãe. Mas confesso que se amanhã tivesse de me mudar para a minha casa teria de ir comprar tudo primeiro, já que nem um tachinho eu tenho.
Bom, é importante esclarecer que 90% da culpa de isto acontecer é minha!
Eu sou daquelas que dá imensa importância ao detalhe e que gosta de ver tudo a combinar (até pode ser uma cor contrastante, mas tem de bater a bota com a perdigota!).
Sou ainda aquela que meteu na cabeça que só haveria de comprar o que não conseguisse fazer, logo, toalhas, panos, lençóis e afins estou dependente de tamanhos que, por estarem sempre a mudar, é difícil de fazer antecipadamente.
Também sou daquelas para quem o enxoval é para ser usado, logo coisas para ficar apenas guardadas não é comigo. Não uso, não vale a pena ter só para acumular pó, como acontece p.e. com a minha mãe que tem lençóis que fez, guardados e a ocupar espaço e nunca usou, porque não cabem nas camas (daí os tamanhos serem um problema).
Tudo isto aliado ao facto de não haver arrecadação lá por casa ajudou a que nunca quisesse que me fizessem um enxoval. Quando chegar a altura quem quiser contribuir eu tenho uma lista e a pessoa escolhe o que quer dar (p.e. tenho uma tia que já me disse que o faqueiro é por conta dela). Prefiro assim!
Isto tudo para dizer que recentemente comecei a renda para aplicar naqueles que serão os cortinados da minha futura cozinha (para desespero da minha mãe, que não concorda nada com esta minha ideia!). Não, ainda não foi desta que comprei casa, mas achei por bem que estes bicos eu poderia fazer, depois quando existir a cozinha propriamente dita, mando aplicar os bicos em linho, com a altura dos cortinados pretendida!
(E assim se começa mais um projecto!)